Inicial » Dislexia: Sintomas e Diagnostico

Dislexia: Sintomas e Diagnostico

  • por
dislexia-sintomas-e-diagnosticos

A dislexia é caracterizada como uma dificuldade na escrita, na leitura e na soletração. Geralmente é descoberta na infância durante a alfabetização. Veja a seguir alguns sintomas e diagnostico dessa deficiência. Entenda melhor como funciona a Dislexia: Sintomas e Diagnostico:

Dislexia: Sintomas e Diagnostico

A dislexia esta relacionada a causas genéticas, uma evolução atrasada do sistema nervoso central, um problema causado na estrutura do cérebro e a interlocução pouco ativo entre os neurônios. Porem, isso não abala a inteligência da criança.

A criança disléxica deve ser auxiliada por um psicólogo, fonoaudióloga e pedagogo pra ajuda-lo na escola, com o foco de ajudar a criança a se desenvolver melhor as sua capacidade de leitura, escrita, soletra e na matemática.

Sintomas da dislexia na infância incluem

  • Começa a falar tarde.
  • Atraso no processo de engatinhar, senta e andar.
  • Dificuldade de entender oque ouve.
  • Dificuldade de se adaptar na escola.
  • Dificuldade pra dormir.
  • A criança pode ser hiperativa ou hipoativa.
  • Choro e inquietação ou agitação com frequência.

A partir dos 7 anos, os sintomas pode ser

  • Dificuldade de ler e escrever.
  • Dificuldade de compreender textos.
  • Dificuldade de se concentra.
  • Dificuldade em ler em voz alta.
  • Não gosta de ir para escola, fica com dor de barriga na hora de ir para escola.
  • A criança esquece rapidamente oque se aprendeu.
  • Distrai-se com tudo.
  • Dificuldade de ler as horas precisa contar nos dedos.
  • Dificuldade de soletrar.
  • Leitura lenta.
  • Letra feia e desordenada.

A criança com dislexia costuma a ter dificuldade em coisas que simples como andar de bicicleta, abotoar camisa, amarrar o cadarço do tênis, manter o equilíbrio em exercícios físicos, também é normal uma criança disléxica trocar o R pelo L isso é um distúrbio chamado dislalia.

Diagnostico

Para ter certeza que uma criança tem dislexia é preciso fazer um teste especifico que deve ser respondido pelos pais, professores e pessoas mais próximas da criança.

O teste é consistente de perguntas diversas sobre o comportamento da criança nos últimos seis meses e deve ser qualificado por um psicólogo que também ira indicar como deve ser realizado o acompanhamento da criança.

Se for constatado que a criança tem dislexia, podem ser respondidos outros questionários para avaliar se a criança possui outro tipo de condição como o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade, que está presente quase em todos os casos de dislexia.

Apesar da dislexia não ter cura, as crianças e os adultos com os tratamento corretos podem ter uma  qualidade de vida melhor.

Esclerose Múltipla é uma doença crônica?

Terceira idade veja a importância da avaliação física!

Gravidez na adolescência veja como o plano de saúde te ajuda!